pontos.de.vista > exposições > Joost De Raeymaeker > a imaculada procissão dos monárquicos
a imaculada procissão dos monárquicos 2006-12-08
autor: Joost De Raeymaeker exposição individual
Joost De Raeymaeker
> a imaculada procissão dos monárquicos
2006-12-08

Há 400 anos, o rei D. João IV depositou a sua coroa no santuário da Nossa Senhora da Imaculada Conceição na pequena Vila Viçosa, no Alentejo. Ao fazer isso, deu uma grande importância ao culto da Virgem em Portugal, dizendo na ocasião que punha o futuro do país nas mãos dela, a não ser que Roma dissesse o contrário.

A estátua da Nossa Senhora da Conceição é do século XIV e feita em pedra. As vestes são do século XVIII. As pessoas da vila costumavam carregar outra imagem em procissão no dia 8 de Dezembro, porque a original era simplesmente pesada demais.

Descendentes da coroa portuguesa e monárquicos juntam-se em Vila Viçosa todos os anos, empunhando bandeiras azuis e brancas da monarquia. No fim da missa depois da procissão, Dom Duarte, neto do último rei de Portugal eleva algumas pessoas para a ordem da Nossa Senhora da Imaculada Conceição.

Este ano, Dom Duarte e a sua esposa ofereceram uma réplica da imagem original para as pessoas da vila carregarem em procissão. As roupas foram feitas por freiras e a imagem foi carregada pelos bombeiros locais.

fotos >>>

16 fotos de:
 Joost De Raeymaeker


publicada em:
2007.01.01